FRB reúne equipe técnica para participar ativamente da transição de governo do Distrito Federal

Mauro Silva afirma que processo trará experiência ao PRB.

Publicado em 08/11/2014 - 00:00

Brasília (DF) – O presidente da Fundação Republicana Brasileira (FRB), Mauro Silva, convocou na manhã desta quarta-feira, (05), os coordenadores da equipe técnica da FRB, para tratar sobre assuntos da transição de governo do Distrito Federal. Em pauta, os coordenadores debateram temas importantes como: saúde, educação, segurança, planejamento e orçamento, que são prioridades e também um desafio para a próxima gestão.

Os especialistas da FRB estão coletando o máximo de informações possíveis sobre ações que estão em andamento no atual governo, para ajudar na formulação do plano de ação do governador eleito Rodrigo Rollemberg. No segundo turno das eleições no DF, o Partido Republicano Brasileiro (PRB) do DF apoiou Rollemberg, que apresentou um programa que veio ao encontro às ideias republicanas.

Mauro Silva, coordenador da equipe técnica da FRB, lembrou que a instituição tem um papel fundamental nesse processo. “A Fundação tem um papel extremamente técnico nesse trabalho, visando dar contribuição ou suporte ao PRB no futuro. Com esse trabalho de transição, nós estamos adquirindo experiência. Os técnicos vão produzir um material que vai ficar aqui na Fundação, para que a gente possa utilizar isso como experiência para as próximas transições, ou para os próximos governos que o PRB, com certeza, fará parte”, ressaltou.

O objetivo agora é sintetizar essas informações, para poder gerar políticas públicas rápidas, de qualidade e ter o cuidado de dar continuidade àquelas que estão em desenvolvimento. “Nosso grande objetivo aqui é criar com as pessoas um compromisso de que se dediquem ao máximo ao levantamento técnico das informações”, observou Paulo Marques, especialista em Políticas Públicas.

reuniao-tecnica-frb-mauro-silva-prb1Leonardo Barreto, cientista político e coordenador acadêmico da FRB, acredita que, com a iniciativa, a Fundação vai contribuir com o crescimento de Brasília. “É muito importante que a Fundação Republicana Brasileira esteja participando desse processo, porque vai conseguir ajudar a fazer um diagnóstico da nossa cidade e também vai ajudar a pensar aquilo que vai ser feito nos próximos quatro anos. É uma oportunidade muito grande para que a gente possa dar essa contribuição para nossa cidade”, destacou.

Ainda de acordo com Barreto, “o objetivo da FRB é colocar a reserva técnica dela, as pessoas mais qualificadas que ela, tem à disposição de Brasília. E isso vai acontecer de forma voluntária, com as pessoas trabalhando junto à equipe de transição, para criar um grande diagnóstico de como nossa cidade está, e ajudar a elaborar os caminhos e os passos que a gente vai dar nos próximos quatro anos. A Fundação cumpre o seu papel de ajudar o próximo governo a criar políticas públicas boas para o cidadão brasileiro. Esse trabalho é essencial para o sucesso do próximo governo e para o bem-estar das pessoas nesse próximo ciclo político”, observou.

Texto e fotos: Eulla Carvalho / Ascom – FRB

Reportar Erro