Vitor Hugo lidera intenções de voto para Prefeitura de Cabedelo

Republicano detém 72,5% das intenções de voto, segundo levantamento feito pelo PB Agora em parceria com o Instituto Datavox de Pesquisas de Opinião Pública e Estatísticas

Publicado em 30/01/2019 - 00:00

Cabedelo (PB) – O republicano Vitor Hugo (PRB) lidera com 72,5% das intenções de voto à Prefeitura de Cabedelo, Região Metropolitana de João Pessoa. Levantamento feito pelo PB Agora em parceria com o Instituto Datavox de Pesquisas de Opinião Pública e Estatísticas mostra que o republicano aparece isolado e com folga a disputa eleitoral na eleição suplementar no município paraibano. Os candidatos do PSD, PTB e Psol detêm 14,5%, 1,8% e 1,5% das intenções de voto, respectivamente.

A pesquisa foi registrada junto ao TRE sob o número PB-03205/2016 no dia 22 de janeiro de 2019 e entrevistou 400 pessoas. A margem de erro máxima estimada é de quatro pontos percentuais. Os indecisos e os eleitores que pretendem votar branco ou nulo correspondem a 4,7% e 5%.

Vitor Hugo, que assumiu a Prefeitura de Cabedelo interinamente em março de 2018, destaca que o resultado da pesquisa aumenta sua responsabilidade de lutar ainda mais pelo desenvolvimento da cidade. “É um sentimento de responsabilidade que aumenta. Um reconhecimento pelo trabalho feito em apenas dez meses que vem transformando a cidade de Cabedelo. Isso é o que me alimenta e me dá forças, que é o carinho do povo na rua. Vou continuar trabalhando pela minha cidade”, comentou o republicano, que tem uma aprovação de 82,5% dos cabedelenses, em pesquisa realizada pelo mesmo instituto.

Eleição suplementar

A eleição suplementar no município acontece no dia 17 de março de 2019. Com a renúncia do prefeito Leto Viana, após operação da Polícia Federal, a Câmara Municipal teve que notificar a Justiça Eleitoral para a realização de novas eleições. Vitor Hugo, na época presidente do Legislativo Municipal, assumiu interinamente o comando do município em março de 2018.

Texto: Agência PRB Nacional
Foto: Cedida

Reportar Erro