“Não existe mais espaço para o coronel na política”, afirma Aroldo Caetano

Prefeito de primeiro mandato no município de Águas de Santa Bárbara (SP), republicano tem feito uma gestão austera com foco no coletivo

Publicado em 11/12/2017 - 00:00

Prefeito de primeiro mandato, o entrevistado desta semana é o republicano Aroldo Caetano (PRB), do município de Águas de Santa Bárbara (SP). Servidor público municipal, ele chega ao final do primeiro ano de governo com investimentos nas áreas de Saúde, Educação e Turismo.

Com pouco mais de 6 mil habitantes, o município é reconhecido em todo o Estado de São Paulo pelas águas medicinais e as belezas naturais do Balneário Municipal. Entre as metas de Aroldo estão a recuperação da posição de cidade turística com investimento na revitalização do balneário e a melhoria constante da qualidade dos serviços públicos municipais.

ENTREVISTA

Agência PRB Nacional – Qual o balanço deste primeiro ano de sua gestão no município?
Aroldo Caetano – Conseguimos estruturar os serviços municipais. Nós pegamos uma prefeitura com vários problemas, só para você ter uma ideia, não tinha um veículo sequer para transportar os pacientes, a Saúde não tinha nenhuma ambulância. Agora já temos 12 carros trabalhando no atendimento à população. Graças a Deus hoje a gente consegue fazer um atendimento muito bom, claro que longe daquilo que a gente deseja e sonha, mas já estamos bem encaminhados. A questão da Educação está indo muito bem, nós montamos uma equipe nova que tem feito um trabalho maravilhoso. Já chegamos a ser referência no sistema de ensino em toda a região e logo vamos voltar a ocupar esse posto. Nós perdemos a referência nos últimos quatro anos, mas estamos investindo recursos e trabalhando para colocar a educação no lugar de destaque. Atuamos em todas as áreas, desde Segurança Pública a Assistência Social, Agricultura e Cultura.

 

Agência PRB Nacional – Alguma outra área que teve atenção especial neste primeiro ano?
Aroldo Caetano – Na verdade nós tivemos uma atenção redobrada com todas as áreas do município, no entanto, o Turismo precisou de mais empenho por parte do nosso governo. O município perdeu muito nos últimos anos e agora estamos trabalhando para recuperar. Somos uma estância turística de água medicinal, mas perdemos essa condição de cidade turística nos últimos anos por falta de investimentos no setor. Desde que assumi o mandato, tenho buscado soluções para fazer Águas de Santa Bárbara voltar a ser um ponto turístico de grande movimentação de pessoas, aos poucos estamos voltando a ocupar esse posto, criamos o Conselho Municipal de Turismo e estamos começando tudo novamente. Perdemos muito e você sabe que quatro, oitos anos de perdas provocadas por um mandato ruim faz a cidade regredir 20 anos. Eu penso que agora o município está no caminho certo.

 

Agência PRB Nacional – Que investimentos foram feitos neste ano para chamar à atenção dos turistas?
Aroldo Caetano – Temos aqui um Parque do Balneário que fechava muito cedo e não abria nos finais de semana. Assim que assumi o governo, alteramos o funcionamento para todos os dias da semana, 12 horas por dia, sem interrupção do serviço no horário do almoço. Esse Balneário precisa estar aberto todos os dias porque nosso foco é o turismo regional, nem sempre a gente consegue receber, durante o ano todo, as pessoas dos grandes centros como São Paulo, Campinas, Sorocaba e outras cidades, mas recebemos o turismo regional. Então, todo domingo nós temos um número bom de turistas na cidade. Se você fecha o Balneário, o que acontece? Perde-se o turista que tem nossa cidade como referência em lazer durante os finais de semana. Por isso, a primeira atitude nossa foi dar atenção especial ao Balneário. Vamos assinar nos próximos dias um convênio para que a gente consiga melhorar a infraestrutura do local, esperamos receber R$ 2,5 milhões da Secretaria Estadual de Turismo para melhorar ainda mais o atendimento ao público.

 

Agência PRB Nacional – O que senhor pretende fazer no Balneário com esse recurso?
Aroldo Caetano – Na verdade, melhorar o que já está feito. Temos uma obra que está paralisada, que é uma reforma de uma ala do balneário, que foi paralisada por erros da parte de engenharia. Queremos a liberação do recurso para concluir essa obra e depois vamos precisar fazer uma melhoria na piscina, na iluminação dos parques, nas fontes de água, que inclusive estão paradas, e vamos revitalizá-las, melhorar a entrada do parque. Esse recurso será utilizado para revitalizar e dar cara nova ao nosso balneário, lá nós temos água medicinal de excelente qualidade, uma das melhores do mundo, talvez a melhor. Quem frequenta o espaço pode tomar banho de piscina, usar a sauna, duchas, fazer passeio e caminhadas nos parques e ter acesso a uma estrutura de lazer em contato direto com a natureza.

 

Agência PRB Nacional – Sabemos que o desafios são muitos, mas qual foi o maior deles?
Aroldo Caetano – Eu encontrei o município com muitas dívidas e já conseguimos pagar uma boa parte delas. Temos um orçamento anual de R$ 33 milhões e a dívida passava dos R$ 8 milhões, ou seja, 24% da receita anual do município estava comprometida para o pagamento de dívidas. Esse foi o meu maior desafio, mas com muito esforço estamos conseguindo resolver. 

 

Ao lado do deputado estadual Wellington Moura (PRB)

Agência PRB Nacional – Que medidas sua gestão tem adotado para manter a saúde financeira do município?
Aroldo Caetano – A primeira coisa é manter a austeridade da gestão, essa é a primeira coisa para um bom governo. A economia é muito importante, gastar naquilo que é realmente necessário e segurar as despesas que não é. Às vezes, a população de uma cidade pequena quer que o prefeito faça festa, mas uma festa do Peão hoje, por exemplo, custa de R$ 600 mil a R$ 1 milhão. Então, neste momento, não é a nossa prioridade, a nossa prioridade agora é a economia. O segredo é cortar gastos todos os dias porque o gasto público é igual a unha, toda semana precisa cortar porque se não vai só crescendo e é o que estamos fazendo aqui no município.

 

Agência PRB Nacional – Qual seu estilo de governar?
Aroldo Caetano – Eu tenho feito meu trabalho com muita transparência e sinceridades com as pessoas. Tenho buscado fazer uma administração aberta, ouvindo as pessoas com muita humildade e chamando o povo para me ajudar a governar. A gestão pública não permite mais aquele tipo de prefeito que senta na cadeira e acha que manda no município, comigo é bem diferente. Quando chequei na prefeitura chamei todo mundo e disse: agora que eu sentei aqui, quem manda somos nós. O que nós precisamos fazer? O que está errado? O que está certo? Vamos trabalhar juntos pelo bem de Águas de Santa Bárbara.

 

Agência PRB Nacional – E na Saúde, o que foi possível fazer?
Aroldo Caetano – Assumi a prefeitura sem nenhuma ambulância para atender os pacientes e hoje contamos com 12 veículos na secretaria de Saúde, entre carros e ambulâncias. Na verdade, nós temos uma boa equipe médica que atende nossa cidade e um Pronto Atendimento que atende a população durante 12 horas por dia, mas quero expandir esse horário para 24 horas diárias. O importante é ter uma boa equipe médica e graça a Deus, nós contratamos profissionais de várias especialidades e estamos muito felizes por conseguir montar uma equipe de médicos muito boa. Nosso Pronto Atendimento conta com uma estrutura física muito boa e faltavam mais profissionais para atender melhorar a população e foi o que fizemos. Ainda não está completa, mas tenho um convênio, que ainda não assinei, mas já está sendo liberado, para fazer uma melhoria na entrada da unidade de saúde, a pavimentação e outras estruturas ao redor.

 

Agência PRB Nacional – Pela sua experiência neste primeiro ano de mandato, o que um prefeito deve fazer para ser um bom gestor?
Aroldo Caetano – A primeira coisa que nós precisamos ter, na condição de prefeito, é responsabilidade com o dinheiro público e isso se faz com austeridade. Às vezes o prefeito acha que se fizer favor para os amigos é bom para ele politicamente, mas não é nada disso. Ser bom político é fazer um bom mandato, com honestidade, economia, direcionamento correto do dinheiro público. Penso que a grande virtude de um administrador público é a humildade para ouvir as pessoas e fazer uma gestão aberta, não existe mais espaço para o coronel na administração pública, existe o bom gestor e a boa gestão só se faz ouvindo as pessoas que querem ajudar o município e fugindo de quem só procura você para obter vantagem. As pessoas acham que fazer uma boa administração é olhar para os próprios bolsos, mas não é assim, a gente só faz uma boa administração com o foco no que a cidade precisa. Quem fica rico na política é ladrão, na política não se fica rico. O salário de um prefeito, de uma cidade como Águas de Santa Bárbara, se eu pensar no meu pagamento, no meu salário, abandono a administração. Sou prefeito porque tenho amor pela minha cidade e quero sair da prefeitura não como um bom amigo, mas como um bom gestor e é assim que quero deixar o mandato. Agora, deixar o cargo fazendo uma gestão ruim para a população e boa para um pequeno grupo de amigos, não é um caminho correto, o dinheiro público precisa ser pulverizado dentro do município e não ser colocado no bolso de meia dúzia. O primeiro conselho que eu dou para um prefeito é que seja sério, ouça as pessoas que querem ajudar o município, tem muitas pessoas que são falsos amigos e adoram dar opinião na gestão, mas o objetivo não é o bem da cidade e sim levar vantagens para eles, as coisas não podem ser assim. Fique de olho aberto e saiba diferenciar quem pensa na cidade como um todo de quem só olha para o próprio umbigo.

Por Agência PRB Nacional
Fotos: Ascom – Prefeitura de Águas de Santa Bárbara

Reportar Erro