“Nada além do necessário”, este é o lema da gestão do prefeito Kabelo

O entrevistado da semana é prefeito de Santa Tereza do Oeste (PR), Elio Marciniak, popularmente conhecido como Kabelo

Publicado em 19/06/2017 - 00:00

O nosso entrevistado da semana é o prefeito Elio Marciniak (PRB), conhecido na cidade de Santa Tereza do Oeste (PR) como Kabelo. Ele tem enfrentado, com muita coragem e austeridade, a grave crise financeira deixada pela gestão anterior. Ele foi candidato em 2012, mas foi em 2016 que conseguiu ser eleito prefeito com 54% dos votos.

Preocupado em colocar a casa em ordem, o gestor já conseguiu resolver parte dos problemas da prefeitura e encaminhar vários projetos de desenvolvimento no município. Duas das principais bandeiras do republicano consiste em assegurar a instalação de indústrias e investir na educação de base.

Casado e pai de duas filhas, Kabelo fez história ao começar um pequeno açougue, do zero, e 23 anos mais tarde se tornar dono do maior supermercado da cidade. Por satisfação pessoal, ele fez faculdade de pedagogia e pós-graduação em psicopedagogia.  

Confira a entrevista concedida à Agência PRB Nacional:

ENTREVISTA

Agência PRB Nacional – O que te motivou a entrar na política e querer ser prefeito?
Elio Marciniak (Kabelo) – Surgiu da vontade fazer a diferença, de ter atitude para tirar Santa Tereza do Oeste da situação vergonhosa que estava submetida. Escolas sem condições de funcionamento, secretários municipais presos, vários casos de corrupção e outras irregularidades. Por isso que eu falei que o meu motivo foi atitude porque alguém teria de fazer alguma coisa. A situação nacional não está bem, mas a gente não precisa se preocupar tanto com o nacional, preciso cuidar da minha casa. Então foi por isso que me candidatei a prefeito. Santa Tereza do Oeste é minha terra, nasci e me criei aqui. Em 2012, resolvi entrar na campanha para prefeito e infelizmente não conseguimos vencer. Voltei em 2016 com mais força e vencemos com 54% dos votos válidos.

 

Agência PRB Nacional – Diante disso, podemos dizer que a situação do município, quando você assumiu o governo, não era nada boa?
Elio Marciniak (Kabelo) – Não mesmo. Só para você ter uma ideia da situação, dos 399 municípios do Paraná, Santa Tereza do Oeste era o que está com a pior situação financeira. Com base em uma previsão de arrecadação de R$ 28 milhões, a dívida deixada pela gestão passada foi de R$ 19 milhões, ou seja, 67% da receita comprometido com dívidas. A situação é tão grave, que nesses primeiros 150 dias de governo, a prefeitura já recebeu 120 ofícios do Ministério Público sobre irregularidades cometidas pela gestão anterior.

 

Agência PRB Nacional – Enfrentar essas dificuldades não deve ser uma tarefa fácil, mas o que já possível fazer?
Elio Marciniak (Kabelo) – Fácil não tem sido mesmo não, mas foi para isso que me tornei prefeito. Minha candidatura vem da atitude de mudar, de transformar. Já estamos conseguindo colher os primeiros resultados. Graças ao nosso trabalho, a avaliação do governo está alta, estamos com quase 90% de avaliação positiva. Isso porque temos adotado uma gestão de austeridade e compromisso com o dinheiro público. Diante de todo esse quadro, já posso dizer que vamos fechar o ano no positivo, com 13º garantido na conta e todas as contas pagas.  

 

Agência PRB Nacional – Como pretende pagar esses R$ 19 milhões de dívidas deixadas pela gestão passada?
Elio Marciniak (Kabelo) – Todo mês, 8% de toda a arrecadação eu tenho destinado ao pagamento das dívidas. A gestão passada comprometeu a capacidade de endividamento do município. Na lista tem R$ 6 milhões de precatórios, R$ 6 milhões de financiamentos, R$ 2,5 milhões de INSS, R$ 1,5 milhão de empenhos e R$ 3 milhões de outras despesas aleatórias e dívidas não empenhadas. Totalizando os R$ 19 milhões de dívidas deixadas.

 

Agência PRB Nacional – Nesses primeiros meses de governo, o que já foi possível fazer na Educação e na Saúde?
Elio Marciniak (Kabelo) – Nós conseguimos reverter a situação ruim da Educação e garantimos a qualidade do ensino. A merenda escolar era de péssima qualidade e agora nossas crianças se alimentam bem e estudam em escolas melhores. Nós também conseguimos resgatar a dignidade das pessoas e estamos otimistas com os resultados positivos que temos conseguido alcançar. Na saúde, voltamos a ter médico atendendo a população, compramos medicamentos para farmácia popular e outras melhorias. Em uma licitação de remédios que era de R$ 1,5 milhão, conseguimos baixar para R$ 500 mil. Foram ações e conquistas com recursos vindos de emendas parlamentares e, atrelada à nossa gestão, proporcionaram uma economia do dinheiro público.

 

Agência PRB Nacional – Qual tem sido a principal marca da sua gestão nesse início de mandato?
Elio Marciniak (Kabelo) – Sem dúvida nosso diferencial foi colocar a casa em ordem. O que encontrei no município foi que nada funcionava, veja bem, eu não tinha certidão federal da previdência social, que agora consegui parcelar a dívida. Estamos agora com todas as certidões corretas, tanto estadual quanto federal. Realizamos campeonatos de futebol e outros eventos, as máquinas da prefeitura que estavam sucateadas, hoje já estão arrumando as estradas da zona rural. Além disso, reformamos os prédios públicos e vamos trabalhando assim, muitas obras federais estavam paradas por causa de fraudes e sem documentação já estão em andamento. Eu tive que reduzir a minha equipe de governo, de 14 secretários para apenas 4. Eu tinha que diminuir o índice da folha, então consegui baixar, não ainda o suficiente. Fora isso, caiu a arrecadação do município em 12%, mas reajustamos os salários dos professores em 7%.

 

Agência PRB Nacional – Qual é a meta da sua gestão para este primeiro ano de governo?
Elio Marciniak (Kabelo) – Este primeiro ano de mandato está sendo cheio de muitas dificuldades e desafios. Queremos adquirir novas áreas de terra para assegurar a expansão industrial. Na verdade, já até consegui algumas áreas do DNIT, em forma de doação, e estou esperando a liberação de outra com o Instituto Ambiental do Paraná para que eu possa reativar a indústria e assim gerar emprego. O que mais importa até dezembro é a geração de emprego, eu não tenho nenhum projeto social mais importante do que esse.

 

Agência PRB Nacional – De que forma o PRB tem contribuído para seu mandato?
Elio Marciniak (Kabelo) – Além do apoio que tenho recebido do partido, deputados e lideranças, temos uma força política muito boa aqui no município. A história do próprio PRB aqui em Santa Tereza do Oeste é de muito trabalho e superação. Quando eu criei o partido aqui foi muito difícil, tinha muito discriminação em cima do meu nome e mesmo assim conseguimos fazer com o que PRB fosse o maior partido do município, tanto é que hoje temos a maior bancada de vereadores na câmara municipal, dos 9 vereadores, 3 são do PRB e, por 30 votos, não conseguimos eleger o 4º vereador. O detalhe interessante é que o partido foi chapa pura, não fez coligação na proporcional. Nossa base de apoio na câmara conta com 7 parlamentares.

 

Agência PRB Nacional – Baseado na sua experiência, o que um bom prefeito deve fazer para colocar o município no caminho certo?
Elio Marciniak (Kabelo) – O que eu digo é tudo que aprendi até agora. Com responsabilidade, austeridade e paciência, tudo se dá um jeito. A gente consegue superar os desafios com muito trabalho, uma excelente equipe de governo e compromisso com a população. Prefeito bom não tem que ficar tentando levar vantagem do cargo não, o prefeito que entra na prefeitura pensando em levar vantagem pessoal, está escolhendo um péssimo caminho. O primeiro plano de um bom prefeito é colocar as finanças em ordem e tocar os demais projetos essenciais para o município, com austeridade e zelo pela coisa pública.

 

Agência PRB Nacional – O que a população pode esperar da sua gestão em Santa Tereza do Oeste?
Elio Marciniak (Kabelo) – Primeiro, eu não sou político de carreira e não estou preocupado com reeleição. Na verdade, quero retribuir a confiança do povo durante esses quatro anos de mandato. Estou trabalhando para fazer com que nosso município saia de vez das páginas policiais, por conta da gestão desastrosa e irresponsável do ex-prefeito, e colocar nossa cidade nas páginas sociais. A minha responsabilidade é de conduzir aquilo que a população criou, só existe uma prefeitura, centro de saúde e uma escola porque foi construído pela população, e cabe a mim, no caso o prefeito eleito, o dever de cuidar do patrimônio da população. Tenho certeza que vou cuidar com carinho e daqui a quatro anos, nós teremos muito o que comemorar. Nosso projeto é voltado para preparar nossas crianças para uma cidadania responsável, o povo pode esperar que não vou fazer do mandato um forma de vantagem pessoal, até mesmo porque o povo já me deu mais do que eu preciso para viver. Peço que a população acredite na nossa gestão e que vamos colocar a casa em ordem e levar mais benefícios para todos.

Por Agência PRB Nacional
Fotos: Ascom – Prefeitura de Santa Tereza do Oeste (PR)

 

Reportar Erro