Empresas deverão reservar vagas de emprego para mulheres vítimas de violência doméstica

Autora da proposta, vereadora Simone Kahwage (PRB) destaca que muitas vítimas se submetem a relacionamentos abusivos pelo fato de dependerem financeiramente do agressor

Publicado em 25/02/2019 - 00:00

Belém (PA) – A câmara municipal analisa projeto da vereadora Simone Kahwage (PRB) que obriga empresas prestadoras de serviços em órgãos públicos a reservar 5% das vagas para mulheres vítimas de violência doméstica.

A republicana alerta que muitas mulheres se submetem a relacionamentos abusivos pelo fato de dependerem financeiramente do agressor. “É alarmante e crescente os casos de violência contra a mulher no âmbito familiar. Infelizmente, muitas vítimas só mantém relacionamento com o agressor por não terem condições financeiras para mudar de vida”, comentou.

Para ela, o poder público pode contribuir de forma efetiva para mudar esse cenário de violência contra a mulher. “Cabe ao poder público proporcionar à estas mulheres vítimas de violência doméstica condições de retornar ou se inserir no mercado de trabalho”, disse Simone

Texto: Agência PRB Nacional
Foto: Cedida

Reportar Erro