Empreendedorismo é tema de encontro em alusão ao Dia da Mulher Negra

Afrobela foi promovido pela Secretaria de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude de Salvador, liderada pela republicana Rogéria Santos (PRB)

Publicado em 01/08/2019 - 00:00

Salvador (BA) – Caracterizando mais da metade dos brasileiros, cerca de 54% segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a população negra é também a que detém o maior índice de casos de violência, discriminação e falta de oportunidades, principalmente para as mulheres. Com a finalidade de promover a valorização e o estímulo ao empreendedorismo deste público, a Secretaria de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude de Salvador, liderada pela republicana Rogéria Santos (PRB), realizou a primeira edição do Afrobela – Encontro de Incentivo ao Empreendedorismo da Mulher Negra, no dia 30 de julho, no Largo Tereza Batista, Pelourinho.

O evento aconteceu em alusão ao Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha, comemorado no último dia 25 de julho, e traz ainda como referência para o nome Afrobela, o dinamismo, beleza e criatividade do povo negro em Salvador. Durante o encontro foram realizados dois ciclos de conversas, abordando o empreendedorismo feminismo e também a sua importância como fator de combate à violência contra mulher.

“Através dessa iniciativa o nosso foco é trazer conhecimento e experiência de outras mulheres que hoje já empreendem para que elas vejam que também podem, e assim construírem uma nova realidade para suas vidas”, pontuou a secretária Rogéria Santos.

Intervenções culturais e feira de empreendedores

Durante o encontro ainda ocorreram intervenções artísticas, como a dos jovens aprendizes em formação profissional da Fundação Cidade Mãe, declamação de poesia com a artista Daniela Lisboa, desfile do Casting Plus Bahia, dirigido pela produtora Cynthia Paixão, com figurino da Moça Preta e maquiagem do Instituto Embelleze.

E para finalizar a noite, uma apresentação surpresa dos jovens modelos, parceiros do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Federação, que esbanjaram beleza e simpatia, valorizando a beleza negra da nossa cidade, ao som da cantora Amanda Lima, cantando “Maria Maria” e “Olhos Coloridos”.

O Afrobela contou com a parceria de expositores e empreendedores que contribuíram com seus artigos e apresentações: Instituto Embelleze, Mary Kay, Moça Preta, Asha Biocosméticos, Q Paladar – Sequilhos e Pão Delícia, Quilombo da Ilha – Biojóias, Pérola Negra, Sankofa, Negra Sol Acessórios, Emile’s Crochet, Associação Nacional das Baianas de Acarajé (ABAM), Nice Costa Moda e Arte, Michele Chastinet – Beauty Service, Miss Zangada, Divania Nunes – Massoterapeuta, Ana Lúcia Dourado – Bala de Brigadeiro e Eliana Chastinet – Laços e Adornos.

Texto e foto: Ascom – Secretaria de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude de Salvador

Reportar Erro
Send this to a friend