Daniel Guerra sanciona tarifa de ônibus R$ 0,21 mais barata que pedido da Visate

Novo preço passa a valer a partir de hoje (11)

Publicado em 11/03/2019 - 00:00

Caxias do Sul (RS) – O prefeito Daniel Guerra (PRB) sancionou na sexta-feira (8) a nova tarifa do transporte coletivo urbano de Caxias do Sul. O valor ficou estabelecido em R$ 4,25, R$ 0,21 menor que os R$ 4,46 reivindicados para 2019 pela concessionária responsável pelo transporte público. O preço alcança somente neste ano a mesma tarifa solicitada pela empresa no final de 2016, por exemplo.

“Temos um compromisso com a população de defender um valor digno, que garanta a viabilidade do sistema, e que não seja caro para as pessoas. O cálculo atual foi desenvolvido pelos profissionais da Secretaria de Trânsito, Transportes e Mobilidade e exemplifica muito bem que podemos chegar a um preço justo, sem exageros, mesmo com renovação da frota”, resumiu o prefeito. A nova tarifa passa a valer a partir desta segunda-feira (11).

A tarifa, aprovada pelo Conselho Municipal de Trânsito e Transportes (CMTT), foi obtida por meio da divisão dos custos do serviço com a quantidade de usuários que utiliza o transporte. Também foram utilizados critérios estabelecidos pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-RS), que auditou as planilhas tarifárias calculadas pela secretaria.

Entre os fatores responsáveis por baratear a tarifa estão a utilização de valores médios de distribuição do combustível em Caxias do Sul, considerando como base o levantamento de preços publicado mensalmente pela Agência Nacional do Petróleo (ANP). O tempo de vida útil dos pneus dos ônibus também foi ampliado: passou de 105.000 quilômetros para 121.277 (incluindo o pneu original e mais duas recapagens). Com as duas recomendações do TCE já foi possível reduzir a tarifa em R$ 0,03.

Em processo judicializado pela empresa concessionária no ano passado também ficou estabelecido que o período médio para utilização dos ônibus seja de seis e não de cinco anos. A medida resultou na redução de R$ 0,10 no valor da passagem atual. O reajuste para este ano ainda contempla a substituição de 32 veículos, entre leves, pesados e especiais, a partir de maio. Com essas novas aquisições, 100% da frota operacional será adaptada para o transporte de pessoas com deficiência por meio de elevadores ou rampas.

Texto: Ascom – Prefeitura de Caxias do Sul
Foto: Mateus Argenta

Reportar Erro