Republicanos ganha novas filiadas em São Paulo

A sigla inscreveu mais de 1.300 novas filiações femininas durante encontro marcado pelo Dia D da campanha “Mulher, a política precisa de você”

Publicado em 05/10/2021 - 17:05

São Paulo (SP) – No sábado (2), o Republicanos São Paulo inscreveu mais de 1.300 novas filiações femininas durante encontro marcado pelo Dia D da campanha “Mulher, a política precisa de você”. O evento, promovido pelo Diretório Nacional e o movimento Mulheres Republicanas, contou com a presença da deputada federal e secretária estadual do movimento Mulheres Republicanas, Maria Rosas.

“Estamos felizes com o número de filiadas, pois representa a união de todas as secretárias regionais do estado de São Paulo. Mais mulher na política resulta no fortalecimento da própria democracia, oportunizando um debate nacional mais rico em interesses, opiniões e perspectivas, aumentando, assim, as chances de alcançar consensos mais esclarecidos. Mulher representa força, coragem, superação e transformação”, afirmou a parlamentar.

As adesões ao partido aconteceram em diferentes regiões do estado, com a mobilização de lideranças da legenda. Além de assinarem suas fichas, as novas republicanas puderam acompanhar o curso “Formação política e os desafios para as mulheres nas eleições de 2022”, realizado no Rio de Janeiro e transmitido on-line para os estados de São Paulo, Minas Gerais e Espírito Santo.

“É necessário refletirmos a participação política das mulheres nos espaços de decisão, pois não existe sociedade desenvolvida onde há discriminação e preconceito. Mudar esta realidade é imprescindível e cabe, essencialmente a nós. Para isso, é preciso que as mulheres se tornem sujeitos políticos de sua história, ” disse a secretária.

A campanha prossegue com ações de comunicação e capacitação até dezembro. O objetivo é de conscientizar o maior número possível de mulheres sobre a importância da representatividade feminina.

Na Câmara dos Deputados são 77 deputadas e, nesta legislatura, foi a primeira vez que uma parlamentar ocupou o cargo de 1ª secretária da Mesa Diretora. Já na eleição de 2020 para vereadores, o Republicanos foi o único partido que cresceu acima de 50% e São Paulo foi o estado com maior número de candidatas (1.807) e ainda, com o maior número de eleitas (72). O partido cumpriu 34% da cota de mulheres negras.

“Meu papel é conscientizar e estimular mais mulheres para o meio político e, vejo cada vez mais mulheres engajadas nessa missão. Hoje, representamos 56 vereadoras, três prefeitas e quatro vice-prefeitas em São Paulo. Esse é o resultado de um trabalho duro para promover a inclusão das mulheres nas esferas políticas. A mudança no cenário da sub-representação feminina na política requer uma ressignificação e uma transformação estrutural na história de vida de cada uma delas, reforçando seus valores e direitos e oferecendo capacitação. Sigamos rumo à 2022! ”, concluiu a deputada.

Texto e fotos: ASCOM – Mulheres Republicanas São Paulo

Reportar Erro
Send this to a friend