Nova Santa Rita (RS) recebe ações contra a violência doméstica

Movimento Mulheres Republicanas realizou duas ações em alusão à campanha nacional “Do Luto à Luta”

Publicado em 25/08/2019 - 00:00

Nova Santa Rita (RS) – Tendo como base a campanha nacional do Mulheres Republicanas intitulada “Do Luto à Luta”, as gaúchas organizaram três ações que visam o esclarecimento sobre o feminicídio e a violência doméstica. As duas primeiras ações aconteceram nos dias 17 e 20 de agosto e a expectativa é que no dia 31 de agosto uma outra parada conscientizadora aconteça no município.

No primeiro evento, as republicanas se reuniram na Praça da Bíblia para conversar e entregar panfletos aos pedestres informando sobre os tipos de violência. Cerca de 300 pessoas foram alcançadas com a abordagem. Já na segunda ação, blitzes foram feitas nas avenidas mais movimentadas da cidade para falar com as motoristas sobre o feminicídio. A parada rendeu o diálogo sobre o assunto delicado com aproximadamente 50 motoristas.

A secretária do Mulheres Republicanas de Nova Santa Rita, Rosane Roessler, disse que a ação serviu para “estender a mão a mulheres” além de conscientizar sobre a violência doméstica. “Observamos que muitas não conheciam o tamanho deste problema enfrentado pelas mulheres. Algumas até relataram que já tinham sofrido algum tipo de violência”, conta.

Participaram das ações o presidente municipal do Republicanos, Alexandre Blanco; a vereadora Ieda Maria de Avila (Republicanos) e as secretárias municipais Joselita Gonçalves, Elisabete Santos e Luana Santos.

Para o próximo evento, agendado para o dia 31 de agosto, as republicanas pretendem montar uma tenda de conscientização, onde convidarão mulheres a entrar nessa batalha contra o feminicídio e violência, tudo em alusão à campanha “Do Luto à Luta”.

Texto: Gabbriela Veras / Ascom – Mulheres Republicanas Nacional
Fotos: Mulheres Republicanas Nova Santa Rita

 

Reportar Erro