No Paraná, Mulheres Republicanas participa de evento pela paz mundial

Evento aconteceu no formato on-line a fim de evitar aglomeração por conta da Covid-19

Publicado em 12/08/2020 - 11:22

Curitiba (PR) – A secretária estadual do Mulheres Republicanas Paraná, Marcilene Soares e as republicanas do estado, participaram no último dia 08, do evento “Rally da Esperança”. O movimento de cunho nacional preza por manter a paz, resolver conflitos e acabar com a pobreza pelos principais organismos internacionais de manutenção da paz, públicos e privados.

Marcilene representa o Movimento Unidos por Elas e também é embaixadora da Federação Paz Universal, que é ligado à Associação das Mulheres para a Paz Mundial do Paraná. A republicana explica que o movimento visa coibir de forma eficaz através da raiz do problema o índice de violência doméstica. “Após a violência diagnosticada, além de tratar a vítima com todos os cuidados que ela merece, o agressor também é atendido, recebendo tratamento multidisciplinar, com advogado, psicólogo e outros. Desta forma haverá do ciclo de violência, com a vítima ou em outra família que ele venha a fazer parte. Assim ganha a família, os filhos e a sociedade”, ressaltou.

O Tema oficial deste ano foi:  “Um milhão de manifestações de esperança para a realização de um mundo de Paz, unificado de interdependência, prosperidade mútua e valores universais” e aconteceu de forma on-line. A transmissão foi para mais de 1 milhão de pessoas, e contou com a presença de inúmeros líderes do mundo todo.

Vera Tabach, presidente nacional da ABIME Brasil e Embaixadora da Paz representou o Brasil nesse evento que contou com líderes internacionais religiosos e políticos e representantes da Organização das Nações Unidas.

Marcilene ressalta o pronunciamento da líder do Rally da Esperança, Dra. Hak Ja Han. “É impressionante que por décadas, a Dra. Hak não se cansa de advogar pela filosofia da interdependência, da prosperidade mútua e dos valores universais que nos desafiam com o novo conceito de ver nosso próprio objetivo na vida realizado no bem-estar dos outros. Essa filosofia destoa radicalmente do modo como o mundo está caminhando, o que traz esperança para um mundo caótico. O que me encantou foi a fala dela pela realização de um mundo ideal. A visão de uma família humana unida pelo amor de Deus”, apontou.

Texto:  Gisele Rocha/ Ascom Mulheres Republicanas
Foto: reprodução

Reportar Erro