Dia Municipal de Teste do Pezinho é aprovado em São Paulo

Lei é de autoria da vereadora Sonaira Fernandes

Publicado em 20/01/2022 - 12:54

PSão Paulo (SP) – Foi sancionada em São Paulo lei de autoria da vereadora Sonaira Fernandes (Republicanos), que inclui no calendário oficial de datas e eventos da capital paulista o Dia Municipal do Teste do Pezinho.A data será celebrada, anualmente, dia 6 de junho.

A republicana ressalta a importância da realização do teste. “O “Dia Municipal do Teste do Pezinho registra a lembrança de um exame importante que contribui para a saúde dos bebês desde o seu nascimento”, apontou.

No texto, estão previstas ações de conscientização sobre a importância do exame para a saúde dos recém-nascidos. O exame feito a partir de sangue coletado do calcanhar do bebê, permite identificar cerca de 50 tipos de doenças graves, como o hipotireoidismo congênito, a fenilcetonúria (doença do metabolismo) e as hemoglobinopatias (doenças que afetam o sangue – traço falcêmico e doença falciforme).

Se o exame não for realizado e a criança portar alguma dessas doenças, e não for submetida a um tratamento adequado, certamente desenvolverá problemas graves e irreversíveis no desenvolvimento físico e mental, pois as enfermidades não apresentam sintomas no nascimento.

Todas as crianças recém-nascidas podem fazer o teste, a partir de 48 horas de vida até 30 dias do nascimento no Sistema Único de Saúde (SUS). O exame é gratuito e é obrigatório por lei em todo o território nacional. Alguns municípios, inclusive, não permitem que a criança seja registrada em cartório se não tiver feito o Teste do Pezinho anteriormente.

Texto: Ascom – Mulheres Republicanas, com informações do Ministério da Saúde

Reportar Erro
Send this to a friend