Cristiane Britto participa do lançamento do programa Procurame do MMFDH

Programa visa aumentar a participação de mais mulheres na política

Publicado em 16/04/2021 - 08:00

Brasília (DF) – No último dia 9, a secretária nacional de Políticas para as Mulheres, Cristiane Britto, participou ao lado da Ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, da assinatura do acordo de cooperação técnica (ACT) e lançamento do Programa de Capacitação e Fortalecimento das Procuradorias Municipais da Mulher (Procurame), uma iniciativa que vai trabalhar a expansão de políticas públicas voltadas à mulher e fomentar a participação de mais mulheres na política.

A cerimônia foi em ambiente virtual, devido a pandemia do Covid-19, e também contou com a participação de integrantes da Defensoria Pública do Paraná (DPE-PR) e Assembleia Legislativa do estado (Alep). A ação integra o projeto Mais Mulheres no Poder, do MMFDH.

Cristiane Britto, deu destaque à formalização do Procurame e a parceria com governos estaduais e municipais, Legislativo, Judiciário e sociedade civil amplia o alcance das ações voltadas ao segmento feminino. “Estou muito entusiasmada no lançamento desse programa que foi idealizado pela Defensoria Pública e conta com a atuação conjunta do MMFDH e da Assembleia Legislativa. A ideia de capacitar as vereadoras com certeza irá nos ajudar a ampliar o número de procuradorias municipais da mulher, mas também fortalecer a rede de enfrentamento à violência, que tem sido a prioridade dessa secretaria”, disse.

A ministra Damares Alves apontou que o estado do Paraná vai servir como modelo para todo Brasil. “Eu acredito que esse ACT vai nos unir ainda mais em prol da defesa da mulher. Essa é uma iniciativa concreta, de resultados, pois daqui a uns anos nós vamos olhar para trás e ver os frutos dessa parceria. Vamos proteger a mulher agora e garantir isso também no futuro”, afirmou. Ela também destaca que a participação e o fortalecimento das câmaras municipais é essencial para consolidar a rede de proteção da mulher. “Temos pressa, a vida não espera. Esse é mais um ato no qual estamos dizendo que chega de violência. E sempre lembrando que nenhuma mulher ficará para trás nesse país”, completou.

Após a solenidade oficial, aconteceu a primeira aula inaugural do curso, que tem como tema “ “O atendimento, acolhimento e encaminhamento da mulher em situação de violência: a atuação das Procuradorias Municipais da Mulher”.  As aulas que também ocorrerão nos dias 16, 23 e 30 de abril, serão realizadas pela Escola da Defensoria Pública do Estado do Paraná (EDEPAR) e pelo Núcleo de Promoção e Defesa dos Direitos da Mulher (NUDEM).

O curso, exclusivo para vereadoras, tem como objetivo orientar as parlamentares na instalação de Procuradorias da Mulher nos municípios, ampliando assim a rede local de atendimento à mulher, além de incentivar o combate a todas as formas de violência, zelando pela participação mais efetiva das mulheres na vida política. As inscrições podem ser realizadas pelo perfil da Procuradoria da Mulher no Instagram @procuradoriadamulherpr.

Fonte: MMFDH
Edição: Gisele Rocha/Ascom Mulheres Republicanas
Foto: cedida

 

 

Reportar Erro
Send this to a friend