Juventude republicana em movimento social

Juventude republicana em movimento social

Peterson Pepe destaca a importância dos jovens participarem da política

Publicado em 11/04/2016 - 00:00

Temos falado em todas as oportunidades, seja em reuniões, conferências, encontros e ações, para todos os coordenadores municipais de São Paulo encontrarem caminhos, desenvolverem formas, iniciarem diálogos e ocuparem espaços junto aos movimentos sociais ligados à juventude de suas cidades, regiões e bairros. Nós precisamos avançar e reagir.

Esse avanço é possível ocupando os espaços vazios de representações de outros partidos que, por muitas vezes, quando chegam ao poder abandonam as bases da juventude. Essa atitude é uma traição aos jovens que deveriam estar sendo representados por eles. Sem contar a boa parte da juventude, que se afastou da política por não se sentir representada por ninguém. É exatamente aí, nesta brecha e falha, que está a nossa missão.

#BoraReagir, sair à campo e não esperar por pirotecnias, grandes eventos ou grandes encontros para fazer a diferença. É no um a um, no dia a dia e no passo a passo que abriremos espaço para a representação jovem e a inclusão de um maior número de jovens participando das decisões públicas.

É com uma receita de ações pequenas, mas multiplicada aos milhares, que transformaremos nossas cidades. Primeiro, se faz necessário frequentar os coletivos culturais, esportivos, educacionais e religiosos ligados à juventude. Segundo, devemos nos apresentar às lideranças nas salas de aula, cursos técnicos, faculdades e universidades. Além disso, devemos contagiar os influenciadores culturais e dialogar propondo somas junto com o PRB, fazer a interlocução entre os influenciadores nos bairros e nossos parlamentares e ampliar nossa militância, filiando jovens que estarão nas trincheiras defendendo o republicanismo, fora e dentro do período eleitoral. Adiante, devemos promover rodas de conversas temáticas nas casas dos militantes e convidar novos jovens semanalmente e ter uma forte imersão nas redes sociais, sejam elas ligadas aos movimentos sociais ou parlamentares, mas principalmente ao PRB Juventude nacional e estaduais.

Os grandes encontros são, obviamente, fundamentais. Porém, é no dia a dia, fora dos holofotes, que iremos construir uma base forte, capaz de conscientizar a juventude e realmente colocá-la em movimento social para transformar a realidade da nossa nação.

 

*Peterson Pepe é coordenador estadual do PRB Juventude de São Paulo

 

Reportar Erro