Priscila Sampaio promove ações de combate ao suicídio em Taboão da Serra (SP)

Priscila Sampaio promove ações de combate ao suicídio em Taboão da Serra (SP)

Vereadora é autora do projeto de lei que instituiu a Semana de Valorização à Vida, que tem por objetivo dar ênfase à prevenção do suicídio no município paulista

Publicado em 21/09/2017 - 00:00

Priscila Sampaio promove ações de combate ao suicídio em Taboão da Serra (SP)
Vereadora é autora do projeto de lei que instituiu a Semana de Valorização à Vida, que tem por objetivo dar ênfase à prevenção contra o suicídio no município

Taboão da Serra (SP) – Desde o dia 4 de setembro, data em que teve início à 1ª Semana de Valorização à Vida no município, a vereadora Priscila Sampaio (PRB), acompanhada de sua equipe e apoiadores, realizam ações de prevenção ao suicídio em Taboão da Serra.

A Semana foi criada pela parlamentar por meio de projeto de lei aprovado esse ano que determina, entre outras ações, a realização de palestras, campanhas de prevenção aos casos de suicídio e blitzes com abordagem aos pedestres e condutores de veículos nas vias públicas de Taboão da Serra sobre o tema.

“O suicídio ainda é um tabu. As pessoas sentem medo de falar sobre o assunto. Apesar de ser um tema muito delicado é preciso falar e orientar desde a infância, de forma preventiva e com informações que vão ajudar as pessoas. Nos deparamos com várias pessoas que tentaram suicídio, ou que estão em quadro de depressão. Orientamos e atendemos todas essas pessoas, dando a elas as instruções de como se cuidarem”, destacou Priscila Sampaio.

Durante solenidade na câmara municipal, realizada no dia 6 de setembro, a vereadora reuniu populares e especialistas para debater sobre o tema. Uma das convidadas, a professora doutora da Universidade Estadual de São Paulo (USP), Elaine Gomes dos Reis Alves, orientou os presentes ao encontro.

“Quem convive com pessoas que falam em se matar tem que dizer o quanto essa pessoa é importante. O suicida acredita verdadeiramente que a vida dos outros vai ficar melhor sem ele. Eles acreditam que não farão falta, que as pessoas o esquecerão rapidamente. Se sentem um fardo e é preciso dizer que não são. O suicídio marca uma família e não fica só numa geração. O risco de repetição é muito alto”, explicou a especialista.

A professora rebateu a ideia de que falar sobre o suicídio aumenta o número de casos, afirmando que essa é a melhor forma de prevenir, já que é possível falar quais são os sinais. “Um sinal muito forte é esse: quem fala faz, e se não fizer está pedido ajuda, então ajude. Outro sinal é ficar dizendo o tempo todo que ela precisa desaparecer, postar no Facebook ou nas redes sociais que está difícil, que a vida da pesada, que não acordar no dia seguinte isso tudo é sinal”, ensina.

A professora relatou que graças a uma parceria entre o Centro de Valorização da Vida (CVV) e o Facebook permite que as pessoas informem na postagem de alguém que está pensando em se matar. É preciso acionar a ferramenta denunciar para encontrar as várias possibilidades, entre elas o suicídio.

Em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, Priscila Sampaio vem promovendo ações de conscientização para a preservação da vida. “É impossível não se sensibilizar com os números: a cada 45 minutos, uma pessoa comete suicídio no Brasil. Temos que nos atentar às causas dos suicídios. Temos que trabalhar na raiz do problema”, defende a vereadora do PRB. Em abril deste ano, a republicana já havia idealizado e promovido uma campanha contra o jogo “Baleia Azul”.

Texto: Agência PRB Nacional
Fotos: Cedidas

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro