TO: Halum participa de atividades alusivas ao Dia Nacional do Campo Limpo

Secretário da Agricultura esteve em Silvanópolis (TO) a convite do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias de Defensivos Agrícolas (Inpev)

Publicado em 20/08/2019 - 00:00

Silvanópolis (PB) – A convite do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias de Defensivos Agrícolas (Inpev), o secretário da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), César Halum (Republicanos) conheceu na manhã de segunda-feira (19), 19, as instalações da Central de Recebimento de Embalagens Vazias do instituto, em Silvanópolis, região Central do Tocantins. Na oportunidade, o gestor participou de atividades alusivas ao Dia Nacional do Campo Limpo, comemorado em 18 de agosto.

O secretário da Seagro conheceu os galpões de embalagens lavadas e não lavadas e as células de armazenamento de impróprios (sobras de defensivos agrícolas armazenadas conforme a Resolução Conama 465/2014). Participaram do evento, autoridades do município, representantes de entidades do agronegócio, da Adapec, produtores rurais e estudantes da rede municipal de ensino.

Com a finalidade de informar a população sobre o uso correto dos defensivos agrícolas, bem como a gestão adequada das embalagens vazias, as atividades aconteceram na sede da Central de Recebimento.

De acordo com o responsável técnico da Central Melque do Vale, o espaço pertence à Rede de Sustentabilidade do Agronegócio e se constitui num local adequado ambientalmente. “O espaço é licenciado para receber embalagens vazias de defensivos agrícolas vindas das propriedades rurais dentro de um processo seguro com destinação correta dos resíduos que devem ser retirados do meio ambiente precavendo impacto ambiental”, explicou.

Em sua fala, o secretário César Halum afirmou que no Governo do Estado, produção e preservação andam juntas. “Nós estamos ligados à produção, mas em momento algum deixamos de está ligados também à preservação ambiental. E o produtor rural é o maior defensor do meio ambiente. Ele sabe que, se não preservar as suas nascentes, o uso correto do solo, ele não vai produzir o suficiente para ter lucro”, destacou.

As atividades desta segunda-feira, 19, fazem parte de uma das atividades do Sistema Campo Limpo, uma das vertentes da Rede de Sustentabilidade, que também desenvolve programas de educação ambiental, oferecendo cursos de capacitação para alunos da rede municipal de ensino. Durante a solenidade, alunos vencedores de concursos de desenhos e redação receberam premiação.

Central

A Central de Recebimento de embalagens vazias recebe as embalagens vazias de produtores de Silvanópolis e da região centro sul do Tocantins. Em 2018, foram recebidas aproximadamente 360 toneladas de embalagens as quais são enviadas para reciclagem ou para serem incineradas em São Paulo e Paraná.

Texto e foto: Ascom – Seagro/TO
Edição: Agência Republicana de Comunicação (ARCO)

Reportar Erro