Praça do Consumidor atende mais de 1,5 mil pessoas em Manaus

Praça do Consumidor ofereceu serviços jurídicos, conciliações entre empresa e consumidor, agendamento e emissão de documentos

Publicado em 24/10/2019 - 00:00

Manaus (AM) – A sexta edição da Praça do Consumidor atendeu mais de 1,5 mil pessoas do bairro Novo Israel, Zona Norte de Manaus. A ação, que aconteceu na terça-feira e quarta-feira (22 e 23), faz parte do trabalho itinerante da Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Amazonas (CDC/Aleam), desta vez com a parceria da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) na realização.

Praça do Consumidor atende mais de 1,5 mil pessoas em ManausA Praça do Consumidor ofereceu serviços jurídicos, conciliações entre empresa e consumidor, agendamento e emissão de documentos, além de serviços voltados às mulheres, em menção ao Outubro Rosa, mês de combate ao câncer de mama e colo de útero. Destaque para as empresas Amazonas Energia (campeã de reclamações), seguida da empresa Águas de Manaus, durante os dois dias de ação que atendeu moradores do bairro e adjacências.

As principais reclamações são sobre os valores cobrados nas faturas de fornecimentos de água e energia, consideradas por eles, exorbitantes. Também foram registradas reclamações de telefonia celular e internet.

“O nosso objetivo é beneficiar o povo com soluções, estendendo os serviços dos órgãos públicos aos bairros. A estratégia deu certo e vamos continuar com esse trabalho também nos municípios do Amazonas”, declarou o presidente da CDC/Aleam, deputado estadual João Luiz (Republicanos-AM).

A doméstica Rosa Palheta, 53 anos, tinha uma dívida com a operadora de telefonia há mais de um ano e conseguiu negociar a pendência durante a ação. “Eu achava que nunca iria conseguir pagar. Além do desconto, consegui o parcelamento do acordo em três vezes. Para mim ficou ótimo”, agradeceu a moradora da comunidade.

Para Rosa Silva, 60 anos, este tipo de ação ajuda as pessoas menos favorecidas a resolver muitos problemas como o dela. “Há muitos estava tentando resolver o processo do meu divórcio, enfim resolvi. Espero que este projeto venha mais vezes ao nosso bairro”, enfatizou a aposentada.

Defesa do Consumidor

A CDC/Aleam atende de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, no 4º andar do prédio sede da Assenmbleia Legislativa do Amazonas.

Texto e fotos: Ascom – deputado estadual João Luiz

Reportar Erro