Dia dos Marisqueiros poderá ser criado na Bahia

O objetivo, segundo Jurailton Santos, é reconhecer o relevante trabalho e a árdua rotina dos marisqueiros e marisqueiras que tiram dos manguezais o sustento de suas famílias

Publicado em 31/10/2019 - 00:00

Salvador (BA) – A Assembleia Legislativa da Bahia analisa projeto de lei de autoria do deputado estadual Jurailton Santos (Republicanos-BA) que versa sobre a criação do Dia Estadual dos Marisqueiros.

O objetivo, segundo o republicano, é reconhecer o relevante trabalho e a árdua rotina dos marisqueiros e marisqueiras que tiram dos manguezais o sustento de suas famílias.

Atuante e defensor da pesca artesanal, bandeira política a qual tem abraçado em seu mandato, o Jurailton, que é neto e filho e neto de marisqueira também é nativo da Ilha de Vera Cruz/BA, e vivenciou de perto o trabalho desenvolvido por estes trabalhadores, que sob sol ou chuva percorrem distâncias nos litorais do estado, objetivando buscar o sustento e renda digna de sua família. “Cresci próximo aos mangues, além da pesca, mariscar era o meio de trabalho e renda da minha família. Conheço as lutas e dificuldades dessas pessoas, que começam suas atividades durante a madrugada, e por horas seguem trabalhando até o pôr do sol. Escolhi esta data como forma de homenageár, um povo humilde e forte que tem um papel relevante não só na cultura do nosso Estado, como também na culinária e turismo local. Registro o meu reconhecimento e admiração”, disse Jurailton.

A data a ser celebrada, anualmente, no dia 22 de dezembro busca fortalecer, apoiar e incentivar homens e mulheres de vida simples, de sorriso fácil e tímido, que proporcionam alternativas saudáveis e populares de alimentação na Bahia.

Texto e foto: Ascom – deputado estadual Jurailton Santos

Reportar Erro