Danniel Librelon debate ações em combate ao suicídio e à automutilação

Republicano participou do 1º Seminário Regional de Promoção e Defesa da Cidadania promovido pela Unale

Publicado em 23/09/2019 - 00:00

Rio de Janeiro (RJ) – O deputado estadual Danniel Librelon (Republicanos RJ) participou, na sexta-feira (20) do 1º Seminário Regional de Promoção e Defesa da Cidadania. O evento foi idealizado pela União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale) e ocorreu na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

Danniel Librelon debate ações em combate ao suicídio e à automutilaçãoO objetivo foi ampliar e disseminar o debate das principais bandeiras da entidade: violência contra a mulher, prevenção ao suicídio e à automutilação e Sistema Único de Segurança Pública (SUSP).

Dentre os temas abordados, Danniel Librelon falou sobre a prevenção ao suicídio e a automutilação. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil é o 8º país do mundo em casos de suicídio e essa é a segunda principal causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos. Cerca de 1.113.418 casos de automutilação foram notificados entre 2011 e 2016. “É necessário que as pessoas mais próximas observem os nossos jovens. Nosso papel não é criticar ou condenar, mas sim estender as mãos e mostrar uma saída. Não julgando, mas ajudando”, comentou”.

Danniel Librelon tem atuação voltada para a causa. Ele é autor de dois projetos em tramitação na Alerj que tratam sobre o tema. O primeiro, determina a notificação compulsória de casos de violência autoprovocada, incluindo tentativas de suicídio e a automutilação no âmbito do Estado do Rio de Janeiro. Já o outro altera o anexo da Lei nº 5645/2010 para incluir no calendário oficial do Estado do Rio de Janeiro a Semana Estadual de Prevenção, Conscientização e Combate à Automutilação.

Texto e fotos: Ascom – deputado estadual Danniel Librelon

Reportar Erro